A Arquidiocese de Olinda e Recife, a Secretaria de Cultura de Pernambuco e a Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe) convidam para a exposição Santos Negros, que entra em cartaz no Museu de Arte Sacra de Pernambuco (Maspe), a partir desta terça-feira, 20 de novembro, 19h30, dia da Consciência Negra. Santas e Santos negros tiveram uma forte atuação no decorrer da história e desenvolvimento da fé cristã. Tanto no sítio histórico de Olinda como em Recife, é verificada a devoção aos santos negros nas confrarias e irmandades atuantes no decorrer da História. A exposição Santos Negros tem por objetivo propor uma reflexão sobre a santidade da negritude na Igreja, combater o preconceito racial, a intolerância, e a demonização das religiões de culto e matrizes africanas, propagando, dessa forma, o diálogo inter-religioso. A cerimônia de inauguração da mostra vai contar com a participação do arcebispo da Arquidiocese de Olinda e Recife, dom Fernando Saburido, e apresentação musical do Maracatu Nação Porto Rico, do Pina.

O diretor do Maspe e um dos curadores da mostra explica as razões que motivaram a realização da exposição inédita: “Nossa história é marcada por uma forte presença negra, somos todos frutos de um forte processo de inculturação, sincretismo e consequente aculturação. Mesmo com tanta riqueza e diversidade cultural, é fato que ainda persiste uma esmagadora incompreensão e intolerância em relação as manifestações religiosas de matrizes africanas que se fazem presentes tanto dentro da própria Igreja como transitando de forma plural em uma rede dialógica de múltiplas formas e contornos”, conclui padre Rinaldo. De acordo com o sacerdote, um dos destaques da exposição é a imagem de Santo Elesbão, datada do século XVIII, da igreja Rosário dos Homens Pretos do Recife.

A mostra é composta por vinte peças provenientes do acervo da Arquidiocese de Olinda e Recife cujas tipologias englobam desde um amplo conjunto de estatuárias sacras até painéis, documentos e telas – quatro delas feitas pelo pintor Roberto Ploeg, ambientados de forma a transportar os visitantes para um cenário sóbrio e totalmente trajado com o intento de expressar as vivências religiosas concretizadas na perspectiva da negritude afro-brasileira. A curadoria da exposição Santos Negros é de padre Rinaldo Pereira, diretor do Maspe, e da arquiteta Dió Diniz. A exposição ficará em cartaz no Maspe até 13/05/19 e o valor dos ingressos é de R$ 5,00 (meia) e R$10,00. Informações: (81)3184-3154. O Maspe localiza-se na rua Bispo Coutinho, 176, Alto da Sé, Olinda.

(Pascom Arquidiocese)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here